Yoganidra (sono consciente)/Relaxamento

Ao final da prática de yoga geralmente há um momento para o relaxamento. Yoga nidra, no entanto, não é relaxamento. É um estado de sono consciente, em que não há pensamentos e nem sonhos.

É delicado orientar à distância o yoga nidra para gestantes, pois pode acontecer o despertar de diversas sensações e memórias neste momento.

Por isso, a sugestão aqui é a prática de um relaxamento auto-orientado:

Deite-se de lado (de preferência sobre o lado esquerdo) e coloque um bolster ou dois travesseiros para apoiar a perna direita, flexionada. Mantenha a esquerda alongada.

Vá colocando almofadas e mantas para apoiar seu corpo de forma que você consiga relaxar.

De olhos fechados solte todo o corpo em 3 expirações longas.

Ouça os sons ao seu redor. Passe de som em som sem se apegar. Sons distantes até os sons próximos.

Deixe os sons.

Observe o ar entrando e saindo do corpo pelas narinas.

Observe o corpo expandindo e relaxando.

Observe se há alguma parte contraída e relaxe-a.

Observe todo o corpo, todo o corpo, todo o corpo.

Respire com seu bebê por uns instantes.

Opcionais:

– Uma gravação de sons da natureza, água, pássaros…

– Visualizar seu bebê na bolsa de águas, o líquido cristalino, o bebê bem formado e ativo, a placenta saudável, o cordão levando nutrição e oxigênio…

Sugestões para limitar o tempo de relaxamento:

Pode colocar um sino para tocar como despertador depois de um tempo determinado. (10, 15 ou 20 minutos).

Pode contar as respirações em ordem decrescente, de 60 até 0.

Pode fazer uma rotação da consciência pelo corpo.

Ao terminar, vá movimentando as extremidades do corpo – mãos, pés – lentamente, espreguiçando, bocejando e alongando à vontade, retornando à atividade do corpo com gentileza e consciência.

Vire de lado e apoie as mãos no chão ao lado para levantar, assim você protege sua coluna e não força o abdômen.